Meu humor
Meu perfil
BRASIL, Centro-Oeste, RIO VERDE, Homem



Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Urubuzada




Papo Reto
 


Adriano e sua reposta.

 

 

Ontem seria, ou foi, exibido no fantástico uma matéria bombástica sobre Adriano, para os que assistiram o jogo do Corinthians e Grêmio Prudentino ouviu o Neto comemorando e divulgando isso após a partida, concluindo a propaganda com a seguinte frase: Será que ele ainda vai para a copa depois dessa?!, É esse Neto mesmo, que acha o Felipe Grande Goleiro, o Chicão Zagueiro de Seleção e acredita que o Dunga tem que dar uma chance ao Roberto Carlos.

 

A matéria que foi ou seria exibida(não assisti o programa e nem vi comentários sobre isso) teria o seguinte teor: Eram duas fotos do Adriano, em uma ele exibia com orgulho uma metralhadora, e em uma segunda ele escrevia as iniciais da facção criminosa que comanda o tráfico na favela onde nasceu, tudo isso em 2008, quando acabara de sair do São Paulo, e jogava na Inter.

 

Dois fatos são muito interessantes, o primeiro é que apenas em 2010 tudo isso está sendo divulgado, dois anos após ocorrerem os fatos, então porque será que agora ficou interessante? Não querem Adriano na copa, não o querem o no Brasil, querem apenas vender jornal, querem desestabilizar o Flamengo, eu não sei, só sei que são acusações sérias, que todo ser vivo já sabia, contudo a hipocrisia brasileira renegava. O segundo ponto é porque o Adriano aparecer escrevendo as iniciais de uma facção criminosa é absurdo e o Kaká é elogiado por fazer parte da igreja renascer, inclusive doou seu troféu de melhor do mundo aos pastores criminosos, ninguém mais se lembra que nunca esclareceram os fatos da noite que Ronaldo saiu com o travesti, e o pior muitos “especialistas” como Neto(preferia o Washington ao Adriano), Dr. Osmar(esse queria o Jorge Henrique no lugar do Adriano na seleção), Chico Lang, Garrafa(TV gazeta) entre outros, acham que o Dunga não pode convocar o Imperador, tudo bem eles são “especialistas” né?! Ainda temos que levar em consideração o seguinte, não querem o atual artilheiro do campeonato brasileiro na copa devido a fatores extracampo que ocorreram a 2 anos atrás, ahhh me esqueci eles são os “especialistas”, desculpe por me meter.

 

Não quero aqui ficar discutindo sociologia, falando que isso pode ser fruto do preconceito imposto por uma elite que domina os meios de comunicação e não suportam o sucesso das camadas mais pobres, ainda mais quando estes insistem em manter hábitos da pobreza, não vou também privar o Adriano de críticas, não esta certo ser amigos de traficantes, não é certo ser escoltado por traficantes, não é certo dar moto a traficante, não é certo ficar ligando para traficante fazer a segurança da sua casa(caso do Julio César quando ainda jogava pela flamengo), mas isso acontece, e temos duas posições, uma criticar aquele que participa dos atos, o execramos de todas as formas, e culpá-lo por estes comportamentos, a segunda é analisarmos a que ponto chegou a sociedade brasileira, pois um ídolo nacional do esporte mais popular do país tem como normal o convívio com grupos armados de narcotraficantes, talvez é mais fácil falar mal de Adriano, como era bom falar mau do Edmundo, e de outros que certamente surgirão.

 

Ultimo comentário, o Adriano mau que joga no flamengo brigou com a noiva na chatuba, já o Adriano recuperado e bonzinho que jogava no São Paulo deu uma moto a mãe de um traficante, pousava com metranca, e ainda fazia iniciais de facções criminosas, mas........

 

Com isso vamos parar de falar de Adriano e analisar a Roda dos times que estão na Libertadores.

 

Cruzeiro.

O cruzeiro ainda não deslanchou no ano, ainda não assisti a nenhuma partida da equipe na temporada, mas os resultados falam por si só, e ganhar apertado do América Teófilo Antonio é algo a se preocupar, isso sem falar que no aproveitamento da libertadores a equipe é a ultima brasileira e hoje(com base no aproveitamento) não estaria classificada para as oitava de final da competição, acho que a luz vermelha já deve ser ligada na Toca.

 

Internacional

A equipe dos empates, eu particularmente nunca sei o que esperar do inter, é sempre favorito, mas tirando o ano de 2006 são 30 anos de quase. No gauchão a equipe ta levando aos trancos e barrancos, tudo bem que o gauchão não empolga ninguém, afinal todos estão focados apenas na liberta, contudo o time de Fossat ainda não conseguiu apresentar um grande futebol no ano, diferente de Cruzeiro, Flamengo, São Paulo e Corinthians, que seja por falta de qualidade do adversário seja por qualquer outro fator, podemos tirar pelo menos uma grande atuação de cada, já o inter ganha, mas sempre arrochado. Luz amarela ligada no Beira Rio.

 

Flamengo

Teve sua primeira derrota, jogou muito mal contra o “La U”, e ainda contou com uma falha do goleiro Bruno, que no geral foi bem, mas a equipe estava muito afobada no meio, tudo bem que a falta do toró e a entrada do Alvin, que não é da posição, contribui muito para isso, contudo acredito que o flamengo tem que ter atenção, mas deve se classificar em primeiro.

 

São Paulo

O time está começando a estrear na libertadores, ganhou do fraco nacional em casa, e deve ganhar fora também, contudo os confrontos contra Once Caldas e Monterrey serão decisivos, nesses jogos veremos o que a equipe do Morumbi pode mostrar nesse ano.

 

 

Corinthians

Melhor Brasileiro na libertadores, jogou mal mas ganhou, e com gol de Ronaldo, que teve um longo jejum de 6 jogos, mas o que importa é estar ganhando e isso a equipe de Mano está, contudo o time ainda é muito lento, tem uma qualidade fora do comum de cadenciar uma partida, se Ronaldo recuperar a forma o Corinthians ficará muito perigoso, caso contrário não acredito muito na equipe.

 

  Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306



Escrito por Luis Gustavo às 10h28
[] [envie esta mensagem
] []





Noite de liberta, faça sua aposta.

 

Hoje e amanhã a bola vai rolar na libertadores, três times brasileiros enfrentam adversários muito difíceis, e fora de casa, já o São Paulo joga contra o nacional do Uruguai em casa, com toda obrigação de fazer o dever de casa.

 

Corinthians terá uma guerra no Paraguai, pelo menos isso é o que os jogadores do cerro estão prometendo, não podemos duvidar disso, pois todos se lembram da palhaçada que a equipe fez aqui no Brasil no ano passado quando perderam para o fluminense. O time Paraguai está mal na competição, só marcou um ponto, já o time brasileiro é líder do grupo com 4 pontos e um empate não seria mau resultado, contudo vamos ver o desempenho do Ronaldo(diga-se de passagem de acordo com o jornal O Dia tentou subornar uma aeromoça por conta de um pedaço de lazanha, o valor do suborno?! R$ 100,00, mas teve que se contentar com um pequeno sanduíche) claramente fora de forma, algo que no campeonato paulista já esta dificultando sua mobilidade, compensada em alguns momentos pela técnica e inteligência, já na libertadores parece que o seu peso está atrapalhando um pouco mais. Quanto ao RC um bom jogo deixou para traz um início de temporada péssimo, mas o que um gol bonito não faz no Brasil, cuidado corintianos libertadores não tem Santo André.

 

O Flamengo terá um adversário falastrão pela frente, o técnico da “La U” está nas nuvens com toda a mídia que está recebendo da imprensa brasileira nesta semana, já brincou, criticou, elogiou e desdenho do Flamengo e dos brasileiros, mas toda essa ladainha não está sendo prejudicial a equipe, que mantém a característica não provocar crises internas, talvez por isso a insistência de ramos da imprensa em implantar todas essas “crises” no clube, que esta respondendo com silencio e bons resultados. Caladinho, novamente o flamengo enfrenta um adversário que tem a vontade de ganhar, coisa que me deixa muito confiante, visto que para mim esse atual time do fla não sabe jogar contra adversário que vem fechado. Acredito na vitória do flamengo, não muito fácil, porque libertadores não tem jogo fácil, mas uma vitória normal, com 1 no máximo 2 gols de diferença em um jogo bem parelho, vamos ver. O grupo do Fla esta salivando para dar um cala a boca na imprensa, e a libertadores que no início tinha pinta de cereja do bolo do centenário pode ser uma bela mordaça.

 

Quero lembrar um fato muito interessante que a imprensa esportiva brasileira esqueceu, todos já sabem que apuraram que o Adriano em julho de 2008 deu uma moto no valor de 35 mil reais a um traficante, o que não falaram é que até o dia 16 de junho de 2008 ele não era jogador do Flamengo, mas sim de um outro clube brasileiro, se não se lembram qual era dou um pista........ é o clube do Ricky.

 

 

 Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 



Escrito por Luis Gustavo às 15h59
[] [envie esta mensagem
] []





Libertadores começou, e teorias ficaram para trás

 

A libertadores já está em sua segunda rodada, e não está sendo tão fácil quanto se imaginava, visto que river e boca não estão na competição,  os clubes brasileiros não estão atropelando, muito pelo contrário, a primeira fase está sendo  uma das mais difíceis dos últimos nos, com isso vamos analisar como estão se portando as equipes.

Cruzeiro.

O time do Cruzeiro, para mim, saiu no grupo da morte, então provavelmente apenas 1 se classificará, a equipe veio com favorita, visto que manteve a base vice campeã da competição  e ainda trouxe alguns reforços, destaque para Roger, contudo a favoritismo fora de campo não está se traduzindo dentro do gramado, com exceção do jogo contra o Potosí no Mineirão, a equipe não está bem, já tropeçou algumas vezes e tem sua classificação ameaçada e ainda é a equipe brasileira com pior aproveitamento na competição, confesso que ainda não vi um jogo do time no ano, então não posso dizer que o time está jogando mal, e ainda temos as expulsões, que estão atrapalhando muito o time. Abre o olho cruzeiro, ou então vão ter que engolir a seco as gozações do Kaliu.

 

Internacional

O inter ensaia ganhar novamente outro grande campeonato, chega bem no brasileiro, na libertadores foi o ultimo clube brasileiro a ganhar, passou a centenário um pouco apagado, a não ser que considerem copa Surunga e Gauchão, contudo, neste ano ele veio forte para a libertadores, logicamente não é um time tão bom quanto aquele vice campeão da copa do Brasil de 2009, mas a manutenção da base é um grande início. O colorado está em segundo do seu grupo, visto o empate contra o Deportivo Quito, mostrando para as equipes brasileiras que as outras equipes da América do Sul podem atrapalhar a vida dos brasileiros, e não apenas argentinos e mexicanos. A classificação do inter está mais fácil que a do Cruzeiro, contudo os 6 pontos do Cerro devem ligar um sinal de alerta no beira-rio.

 

São Paulo

O time do São Paulo faz igual está fazendo a 4 anos, joga mal, mas ganha, e assim a equipe se tornou tri-campeã brasileira, fórmula que da muito certo em campeonato de pontos corridos, já quanto a mata-mata não está sendo muito eficaz, visto a equipe não ter conseguido muito sucesso nos últimos 4 anos na libertadores, ou até mesmo no paulista. O time do São Paulo trouxe velhos conhecidos para reforçarem o setor defensivo, principalmente Cicinho, que foi considerado por muitos a melhor contratação do clube este ano. Fernandinho entrou bem um jogou, razoável em outro, mas ainda não é salvação da equipe, que possui um problema claro na criação, pois Hernanes não é jogador para armar uma equipe, e Marcelinho Paraíba dispensa comentários. O SP está com 4 pontos em três jogos, sofreu uma virada do once e caldas, e ganhou em jogo morno do time reserva do Monterrei. Enfrentar os Mexicanos fora será o grande desafio para o São Paulo se classificar, o time está mau, mas nunca podemos duvidar de sua força.

 


Corinthians

A equipe do Corinthians, mesmo sendo muiiiiiitoooo experiente, parece esta sentindo o peso do centenário, a equipe ainda não deslanchou neste ano, e Ronaldo não consegue mais decidir, já estão começando a cogitar se ele deveria ser barrado(algo impossível, que seria inusitado, imagine o Ronaldo no Banco para o Souza), Roberto Carlos ainda não vingou, Alessandro Limitado, Elias o único que tem lampejos, Tcheco o cobrador de faltas, a Zaga é lenta e ta desprotegida, Jorge Henrique mal. Talvez a esperança do Corinthians seja Dentinho, Souza e Tcheco, cada um tire suas conclusões. OBS: do Ronaldo eu espero tudo, até mesmo nada.

Flamengo

Sou flamengo e todos sabem, ele ficou por ultimo devido ser o único brasileiro com 100% de aproveitamento, muitos irão dizer que é porque o grupo é fraco, ou algo do tipo, tudo bem pode até ser. Talvez alguém possa explicar o que acontece com o Fla, polêmica, desorganização(desta vez com salário em dia), mas da certo, e quanto mais criam polêmica melhor o time se sai, não diria que o flamengo seja favorito para a libertadores, mas está se portando como tal, se manter neste caminho chegará longe, logicamente se o Adriano tiver bem da cabeça e com maldade no coração as coisas ficarão mais fáceis para equipe da gávea.

 

Deixem suas opiniões ai galera, ainda tem muito para falar de cada equipe.

 

  Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306



Escrito por Luis Gustavo às 19h52
[] [envie esta mensagem
] []





Adriano, uma constatação

Voltando as atividades no blog, inicio falando do Imperador, o jogador que mais esteve na mídia na ultima semana, foi capa desde jornal esportivo até página policial, devido ao caso da briga com a noiva.

 

Os fatos todos já sabem, as críticas também, uma parte da imprensa carioca viu no caso a chance de emplacar Fred como possível substituto do impera na seleção, a imprensa paulista só criticou, pois está com vergonha de pedir Ronaldo, e Washington, André e Robert não dá, alguns extremistas pediram Jorge Henrique, bom sem comentário, acho melhor esses tentarem convencer o Mano a colocá-lo no time titular.

 

A atitude do Adriano foi muito explorada pela imprensa, fiquei até surpreso com a repercussão, visto que isso já ocorreu inúmeras vezes, ele tem problemas, todos sabem, e se não tivesse não estaria no Flamengo. A imprensa quer vender ta certa, ele vende, então tem que explorar esses casos.

 

Independente da atitude de Adriano, a diretoria do fla agiu bem, esta apagando a fogueira mesmo depois de todos os ataques, não são perfeitos, mas estão quietos, antigamente era cada um com um discurso, agora pelo menos tem que responde pelo clube.

 

Mas como nada é tão ruim que não se possa tirar algo de bom, esta ultima polêmica serviu para constarmos dois importantes dados. Primeiro, com exceção do Pet, percebe-se que o time do fla é uma família, todos estão muito unidos, mesmo a declaração atrapalhada do goleiro Bruno pode ser vista com bons olhos, pois ele se expos para defender o colega. Segundo, Adriano deve ser um cara muito gente boa, pelo menos querido ele é, desde de Jogadores de outros clubes até funcionários da seleção se manifestaram em favor do Imperador, com isso esta decretado ele vai para a copa, pelo menos tem tudo para ir, caso a cabeça dele não estrague tudo.

 

Adriano é um craque, e não jogará mais na Europa, pode até ir ao final da copa, mas logo ele volta, ele não consegue seguir ordens rígidas, tem problemas notórios com álcool e com a noiva, e o ambiente do fla é perfeito para ele, nada de profissionalismo, tudo é controlado com a malandragem carioca, mas está dando certo, e sempre deu, a organização e o discurso de estrutura servem para mascarar a falta de talento, enquanto o fla tiver talentos fora do comum essa fórmula dará certo!



Escrito por Luis Gustavo às 19h28
[] [envie esta mensagem
] []





CAN 2010

 

 

Rolou a bola na copa das nações africanas, e alguns resultados surpreendentes movimentaram a primeira rodada da competição. O mais inacreditável aconteceu logo no jogo de estréia, no qual a seleção da casa Angola, ganhava de 4x0 da seleção de Mali, e faltando apenas 15 minutos para o final do jogo, adivinhem.... é isso mesmo, a seleção de Mali consegui o empate!

 

Outra zebra ficou por conta da Argélia, que perdeu por 3x0 para a desconhecida seleção do Malauí, lembrando que a Argélia é uma das seleções classificadas para a copa do mundo. Menção honrosa ao goleiro da Argélia, um dos piores que já vi, jogando contra Inglaterra e EUA com aquele goleiro, a Argélia vai tomar de 12 ou 13, será time de fazer artilheiro. A equipe no geral é fraca, mas tem alguns talentos, não faria tão feio se tivesse um goleiro mais seguro.

 

A CAN 2010 terá infelizmente a marca do terrorismo, devido ao ataque do grupo separatista da província de Cabinda ao ônibus da delegação de Togo. Cabinda  é um território administrado por Angola, rico em petróleo, mas que fica entre os países do Congo e República Democrática do Congo, e não faz fronteira com angola, por isso a revolta de seus habitantes, contudo essa região é responsável por 80% do petróleo produzido por Angola. Disputas aparte quem perde é a vida, eu já externei minha opinião sobre as guerras civis africanas, leiam o post abaixo.

 

Para finalizar, a Costa do Marfim empatou com a seleção de Burkina Faso, em um jogo morno, criticado por todos os especialistas, desmistificando que a seleção africana poderá ser a surpresa da copa, mas tem duas coisinhas que devemos levar em consideração: primeira, jogar com a obrigação de vitória é muito mais complicado, e ninguém joga contra o Brasil com obrigação de vitória; segundo, eu acho pouco relevante, afinal os jogadores da Costa do Marfim foram apenas ameaçados de morte pelo mesmo grupo que metralhou o ônibus de Togo, matando três e deixando 7 feridos, lembrando que o grupo da Costa do Marfim era o mesmo de Togo, sediado em Cabinda, clima normal para uma estréia.

 



Escrito por Luis Gustavo às 14h20
[] [envie esta mensagem
] []





África

 

Antes de iniciar o primeiro post do ano quero salientar que analisarei as temporadas de Palmeiras, Corinthians e Fluminense, mas posteriormente, agora quero falar desse assunto, África, continente que está em evidência no mundo do futebol, não só pela Copa em junho, mas também devido a CAN (Copa Africana de Nações).

 

Atualmente, temos nos clubes europeus vários jogadores africanos, inclusive alguns como estrelas principais, casos de Etoo, Adebayor e Drogba, mostrando a evolução do futebol do continente, que sempre foi marcado por grandes talentos, mas por seleções ainda infantis, principalmente nos setores de marcação e armação, sendo elas normalmente pautadas pela velocidade e habilidade de seus atacantes, mas com falhas incríveis na defesa, principalmente de seus goleiros, e meio de campo sem muita técnica e padrão de jogo.

 

.Esse panorama está mudando, eu costumo dizer, enquanto as seleções africanas apenas corriam e driblavam poucos tinham medo deles, mas agora eles pensam, então os segure, talvez ainda necessitem de melhores goleiros. A CAN 2010 será a oportunidade de o mundo conhecer o real potencial das seleções africanas, e tenho certeza que o resultado será muito elogiado, vide, a seleção do Egito que balançou a Copa das Confederações, só para relembrar, aquela seleção ficou nos últimos lugares das eliminatórias africanas.

 

Contudo a ascensão do futebol africano, ainda não reflete nos outros campos da vida do continente, ainda temos inúmeras guerras separatistas, devido a interferência européia na demarcação dos países, e não me venham com argumentos de que “são eles mesmo que brigam”, isso é balela, o problema do continente foi que, devido aos grandes recursos naturais existente, a organização política, feita pela Europa, não levou em consideração as diferenças éticas das regiões, pois a idéia era manter um controle administrativo desses lugares, para facilitar a exploração de seus recursos.

 

Agora o mundo em uma hipocrisia boçal, duvida da capacidade da África do sul em organizar uma competição do calibre de uma copa do mundo, porém se esquecem que esse submundo da humanidade sustentou por vários anos o luxo Europeu, e que a violência dos países ocorre devido ao ROUBO que as nações européias realizou em seus recursos, os quais enchem a barriga dos lordes ingleses, e dão cabeça de vaca cozidas para os sulafircanos comerem.

 

O mundo ficou pasmo com o ataque de separatista do território de Cabinda ao ônibus da seleção de Togo, algo realmente terrível, mas foram apenas quatro mortes, e mais alguns feridos, muito pouco, se comparado aos mortos devido a fome, ou então aos milhares de mortos na guerra civil de Uganda, por exemplo, provocada devido a separação do país, pelos belgas, de Hutus e Tutsis, pessoas iguais, nascida na mesma região, mas diferenciada pela ganância, que colocaram um grupo, por eles inventados, para controlar o país, ativando o ódio entre semelhantes e arruinado uma civilização.

 

A Europa não chora pelas mortes na áfrica, a Europa fomenta-as, a Europa é o câncer da África, age como uma lombriga, sugando todos os nutrientes do corpo e fazendo-o entrar em colapso, mas em um nível pior que as lombrigas, pois o fazem com um cinismo de assustar as mais cruéis criaturas do planeta.

 

Já disse o Bob Dylan, na música Blowin in the Wind, a resposta, meu amigo, esta soprando no vendo. A resposta está soprando no vento. È uma pena, pois a surdes hipócrita do mundo não quer ouvi-la.

 

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no Twitter2: http://twitter.com/blogpaporetto

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 



Escrito por Luis Gustavo às 15h02
[] [envie esta mensagem
] []





O nazi-fascimo do futebol brasileiro

O Brasil é um país continental, todos nós sabemos que devido a sua extensão territorial, unidades federadas foram criadas, com isso alguns deuses da inteligência acharam que nos tornamos um território com vários países, transformando até mesmo em guerra a vontade de possuir autonomia cultural e administrativa. Talvez seja o cúmulo da imbecilidade, mas de tantos fieis defensores, acredito que eu estou ficando maluco.

 

No ultimo campeonato brasileiro, a boa fase do Flamengo acendeu em sua torcida a esperança da conquista de um grande título após 16 temporadas de jejum, transformando os estádios brasileiros em redutos rubro-negros, logicamente ressalva aos que disponibilizaram a cota de 10% ao time visitante.

 

Sabemos que alguns estados da federação possuem uma cultura menor em termos futebol e com isso o potencial econômico de suas equipes são bem reduzidos, principalmente devido ao número de consumidores, mas conhecidos como torcedores, adeptos de seus produtos.

 

Essa diferença histórica entre as localidades, gera um certo mal estar, principalmente devido a torcedores de um determinado estado da federação torcerem para equipes de outro, potencializando assim alguns times a se tornarem potências do futebol nacional.

 

Certo!A história da já esta contada, agora vamos com o papo retto. Eu tenho certeza que muitos desses que dizem ser um absurdo um torcedor de um estado torcer para times de outro já consumiram produtos da Nike, Adidas, Coca Cola, D&G, FIAT devem ter o sonho de comprar um Porche, uma Ferrari ou um lamborghini, algo normal, afinal todos nós temos uma predileção a consumir aquilo que nos satisfaz. Já tênis da Árcade, Gurgel e Big Boy não trará satisfação a muitos.

 

Agora muitos devem estar pensando, ‘esse cara ta maluco’, o que tem haver uma marca de tênis com um time de futebol, no popular “uma coisa é uma coisa outra coisa é outra coisa”. Engano seu meu caro, o futebol é um produto igual a qualquer outro, com uma diferença, seu atrativo é a emoção, e não apenas a qualidade, você aprende a gostar de um clube e pronto esse provavelmente morrerá com você, estando bem ou mal(no meu caso literalmente, pois se no meu velório eu não tiver vestido com o manto e uma bandeira do Brasil e a bandeira do meu clube no coração no caixão que me enterre como indigente), não é uma disputa regional, como a simulação de uma guerra estadual, é apenas futebol, onde o torcedor é o consumidor, o atrativo é a emoção e os produtos são os clubes.

 

Estes que se utilizam destes argumentos, provavelmente estão revoltados devido ao pequeno potencial econômico gerado pelo seu clube de coração, ou então é gaucho, mas esses encontramos na sua história a explicação. Não é nada de convicção filosófica ou política, inclusive eu tenho certeza que eles devem ser contra os subsídios pagos pelos países desenvolvidos, a xenofobia européia, ou outras formas de xenofobia, que inclusive já esta fora de moda em muitos lugares.

 

Falar que é burrice, absurdo, ou então descaracterizar a torcida apaixonada de uma pessoa, apenas porque a cede do clube do seu coração é fora do estado onde mora, é de uma pequenez tamanha, que beira o absurdo. Culturalmente falando não tem base para isso, pois alguns estados já não podem mais falar em identidade cultural, visto a tamanha ‘imigração’ para estes locais. Territorialmente falando é mais absurdo ainda, medir a paixão por delimitações legais é no mínimo estranho. E financeiramente falando também é errado, pois quanto maior forem nossas equipes, melhor, e por sermos um país pobre temos na quantidade o diferencial, ou seja, podemos ter 10, 12 super potências futebolística ou 30, 40 pequenos times espalhados pelo território.

 

Mas fica aqui a reflexão para estes que acham absurdo um torcedor que reside em um estado torcer para times de outro, o meu caso. Meu avó paterno é carioca, minha avó é nascida em Goiás com seus pais baianos, meus avós maternos são mineiros, e eu sou nascido em Rio Verde – Goiás, mas também sou negro, então qual é a equipe politicamente correta para eu torcer? Goiás? Acho que não, time da classe alta da cidade de Goiânia. Vila? Muito menos, eu fui em Goiânia umas 4 vezes na vida porque torcer para um time de lá?! Rioverdense? Rio Verde? Atlético Rioverdense? Ahhh lembrando como disse que sou negro, talvez tenha que torcer para o Bangu, afinal foi ele quem primeiro brigou para a inclusão do negro nos esportes, humm não pode ele é do Rio, e eu não posso torcer para times lá né!

 



Escrito por Luis Gustavo às 10h13
[] [envie esta mensagem
] []





Ronaldo

 

O que dizer desse jogador?! Fenômeno, mercenário, bixado, craque, gênio. Ronaldo já foi chamado de tudo isso, é amado por uns odiado por outros, mas tenho certeza, respeitado por todos.

 

De polêmicas transferências, belas esposas e sérias contusões a carreira de Ronaldo, que era Ronaldinho no início da carreira e pode ser chamado de Ronaldão no final, foi recheada, tudo com uma proporção fenomenal, que só pode ser igualado a suas recuperações.

 

A superação de Ronaldo é um capítulo a parte de sua história, talvez os mais belos capítulos de suas carreira, que infelizmente brecaram a fase fenomenal do craque, mas que acenderam o luz de gênio, do homem, do ser humano Ronaldo, e que para mim o transformou em mais que um fenômeno, o transformou em mito.

 

Dentro das quatro linhas, a qualidade de Ronaldo é indiscutível, mesmo ele sendo um jogador no início da carreira e outro agora em seu final, ele sempre foi um jogador rápido, que jogava pelas pontas, nunca foi um centroavante fixo, características modificadas a partir da copa de 2002, tornando Ronaldo um centroavante, deficiente em algumas características marcantes da posição, mas como fenômeno que é, nunca fizeram falta.

 

Assim Ronaldo protagonizou alguns feitos interessantes, como ser ídolo do Real e do Barça, da inter e do Milan, algo apenas para Ronaldo, o maior artilheiro em copas do mundo, um cara que conseguiu superar uma das mais sérias contusões da história do futebol e logo depois ser o 2º melhor jogador e artilheiro da copa de 2002, o maior artilheiro em copas do mundo, encantar o mundo com sua força de vontade, e ter como gol de placa a superação dos obstáculos que a vida lhe deu.

 

Infância pobre, não tinha dinheiro nem para pagar o ônibus para treinar, foi dispensado deste clube por isso, conseguiu uma vaga no cruzeiro e lá brilhou, foi a fagulha que deu início ao brilho da estrela chamada Ronaldo.

 

Como se todos esses obstáculo não fossem suficiente, o destino tratou de apimentar um pouquinho mais a vida do Fenômeno, outra contusão seríssima, agora com 30 anos, uma forma física mais debilitada, e com a carreira já em decadência. Para muitos este era o fim do Fenômeno, coitado desses, se esqueceram que estavam falando de Ronaldo, e assim tiveram que agüentar mais um recuperação dele, vê-lo ser o destaque do Corinthians, e protagonizar cenas que há muito tempo não se via no futebol brasileiro.

 

Hoje Ronaldo não é mais aquele grande craque, não tem a mesma vontade de 10 anos atrás, talvez o grande desafio de sua vida seja mostrar para todos que ele é sim um fenômeno, e que isso precisamos respeitar. Sem dúvidas ele é o jogador mais importante do Corinthians, mas chamá-lo de craque é mais uma forma de coroar o quão foi grande, respeitar o que ainda pode fazer. Particularmente acho hoje o Ronaldo um grande jogador, devido aos lampejos de gênio que ele sempre tem, mas não podemos dizer que ele é craque, ele ainda decide, e esta sempre nos brindando com belíssimas obras, contudo se transformou em jogador de segundos, joga 10, 15 segundo por jogo, resolve, mas não é aquele jogador de 5, 8 anos atrás, ainda é o fenômeno, mas não é craque.

 

Assim foi Ronaldo, craque, gênio, grande jogador, mas acima de tudo um mito, foi amado e odiado, respeitado e temido, e como fãn do fenômeno faço uma previsão, Ronaldo vai jogar pelo Flamengo, um jogo, uma temporada ou um campeonato, não sei, o único empecilho será uma temporada perfeita no centenário do Corinthians, se isso não acontecer podem esperar, ele é muito rubro-negro, mais do que nos podemos imaginar!!

 

O pobre Cris... Ronaldo tentou provocar nosso fenômeno, mas o perna de siriema só pode estar de sacanagem, avisem a ele que o dia que ele fizer pelo menos 1 gol em copa do mundo ele poderá engraxar as chuteiras do maior artilheiro delas. Com isso CR, mais respeito com o fenômeno, é muito educado não mexer com aqueles que foram muito maiores que nós! E pode até mesmo existir apenas um Ronaldo e que seja o Cristiano Ronaldo, mas eu digo e afirmo, existe apenas um Fenômeno e não tem Cristiano no nome dele!

 



Escrito por Luis Gustavo às 14h10
[] [envie esta mensagem
] []





Final de festa, vamos analisar a sujeira!

 

Bom seguindo a série de análise da temporada dos clubes vamos falar agora do glorioso, o Grande Botafogo de Futebol e regatas, que infelizmente literalmente está sendo o clube da estrela solitária.

 

O início de ano para a Botafogo foi muito bom, jogava um futebol alegre, eficiente, apesar de mascarado pelo fraco campeonato carioca, mas que devido a sua inteligente forma de disputa, o torna atraente, mesmo com o fraco nível técnico.

 

Com esse futebol encantador, regido pelo “maestro”  Maicoussuel, refugo de Cruzeiro e Palmeiras, deu ao time o título do primeiro turno do campeonato carioca, a famosa Taça Guanabara.

 

O time, que encontrou o equilíbrio em um forte poderio ofensivo, com seu trio de ataque formado por Maicossuel, Reinaldo e Vitor Simões. Passou por todos os adversários cariocas, sagrando-se campeões do primeiro turno ao derrotarem o Fluminense na semi-final e o Resende na final.

 

Contundo, as glórias do Botafogo tiram férias depois da final da taça Guanabara do carioca de 2009, contabilizando alguns desastres da equipe na temporada, o primeiro foi a desclassificação na Copa do Brasil, diga-se de passagem para o fraco time do americano de campos, com direito a show de Kiesa. Tudo bem foi nos pênaltis, mas foi eliminado, e o Kiesa deu “show”!

 

Depois disso conseguiu o tri-vice no campeonato carioca contra o rival flamengo, e novamente nos pênaltis, com empate de 2x2, jogo corrido, movimentado, e como não podia faltar, reclamação contra arbitragem, mas isso já faz parte, o importante é que mais uma vez a taça não foi para General Severiano, uma pena eles mereceram.

 

No Campeonato Brasileiro mais fiasco, a equipe não conseguia se acertar após a perda do meia Maicossuel, que devido a uma conturbado e rápida negociação se transferiu para o futebol alemão.

 

Ao longo do brasileirão a equipe se reforçou, teve da metade do segundo semestre para o final do ano um bom desempenho, deixando pelo menos os fiascos de lado. Trouxeram o artilheiro André lima, que veio do São Paulo, o meia Lúcio Flávio que não jogou no Santos, o goleiro Jeferson, pois o atrapalhado Castilho e os jovens Renan (que se machucou) e Rafael não passavam segurança a meta alvinegra, e contaram com a boa fase do capitão Juninho, que se tornou a arma mais eficaz da equipe em suas cobranças de falta.

 

O Botafogo figurou entre os possíveis rebaixados da primeira a ultima rodada do brasileirão, mas conseguiu escapar, e protagonizou uma bonita reação, não tão empolgante quanto a do fluminense, mas igualmente importante.

 

O finalzinho de temporada para a equipe foi a melhor fase do ano, pois além de conseguir escapar do rebaixamento, e fazer uma boa campanha na sulamericana, ainda derrotou dois dos quatro primeiros colocados do campeonato, favorecendo inclusive ao título do rival Flamengo, com a vitória em cima do São Paulo.

 

Teve como peça fundamental nos últimos jogos o atacante Jobson, que figurou na lista de reforços de boa parte dos times da primeira divisão do brasileirão, inclusive chegou a ser anunciado como reforço do cruzeiro, time que desembolsaria um montante por volta de 4,5 milhões ao Brasiliense par contar com seu futebol, contudo devido ao resultado do exame antidoping do atleta a negociação não se concretizou.

 

Isso foi um pouquinho do ano do botafogo, que de glorioso infelizmente não teve muito, mas no balanço geral “entre mortos e feridos todos se salvaram”, mas deixo duas ressalvas, a primeira é que Lúcio Flávio, André Lima e Juninho me provaram que existem jogadores que só jogam no Botafogo, segundo, com dito por alguém que não me lembro quem, depois de Dodô, Renato Silva e Jobson acho que o Botafogo está se tornando a cracolândia do Futebol.

 

Abs,

 

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 

 

 



Escrito por Luis Gustavo às 10h57
[] [envie esta mensagem
] []





2010 já começou no mundo da bola!

Entre os Balanços das equipes de 2009 vamos comentando as contratações, e como todos me conhecem eu não tenho muito medo de falar o que penso, com isso certamente queimarei minha língua com alguns reforços, mas vale pela gozação.

 

Atlético/MG

Muriqui – Mais um da série refugos do futebol carioca. Jogou razoavelmente bem o brasileiro, mas vamos ver, não rendeu no Vasco, era novo, não sei, acho uma boa aposta, como foi o Danilinho, que de dispensado no Santos, foi brilhar em BH.

Jairo Campos – Zagueiro da LDU, se for pior que o Benitez pode aposentar, mas confesso que não conheço.

Leandro – Jogou pelo vitória fez um campeonato regular, mas é uma incógnita, se for o Leandro do flu, credo, já se for o Leandro palmeiras um bom reforço, mas se o Leandro do Cruzeiro de 2003 será um grande reforço, não acredito que será decisivo, mas é melhor que o Feltri.

Eduardo(A, Sport), Nego (LD, São caetano), Fabiano(V, Sport), Rafael Miranda(V, Atlético-PR) e Renan(V, Sport) – Esses ai, vai saber, sem nenhum comentário.

Vanderlei Luxemburgo – Pode ser bom, não sei, mas se for ruim não será surpresa, eu acho perigoso o Kalil acha ideal, vamos esperar.

 

 

Corinthians/SP

Danilo(M, Kashima Antlers-JAP) – Nunca fui fãn do futebol do Danilo, mas ele sempre foi um jogador decisivo para o São Paulo. Acho que chega com muita pompa, mas vai ter que tirar na medinha quem vai ficar com a bola, pois ele, D’federico, e Jorge Henrique vão disputar o troféu fominha 2010.

Roberto Carlos(LE, Fenerbahçe-TUR) – Como achava que o Pet estava velho, também acho que o RC está velho. Pet provou que pode render, mas não aguenta uma temporada, tanto que no final do BR caiu de produção. O RC estava razoavelmente bem na Turquia, mas o Fernerbace levou o André Santos, o que mostra que necessitavam de um lateral. Acho que nos camp. nacionais ele vai bem(não sei aguenta até o final da temporada), já na liberta tenho minhas dúvidas. Para mim uma aposta.

Tcheco(M, Grêmio) – Sem medo de falar, é fraco, jogador lento, não tem a mesma característica do Douglas, não cria nada, apenas pode cadenciar o meio, um outro Edu, mas não tem a cara do Corinthians.

Iarley(A, Goiás) – Velho e já não tem a mesma disposição física, para ele isso não é bom, pois sua principal característica era a arrancada, tem técnica, mas para mim chega para completar grupo. Será coadjuvante.

Ralf(V, Barueri) –  Aonde joga Moradei joga qualquer um, o Corinthians ta desesperado para achar um substituto para o Cristian, acho que esse cara não será o Ralf, mas ele e novo e pode dar certo.

Carlos Alberto (V, Atlético-MG) – Volta de empréstimo, mas um para a reserva.

Wellington Saci (LE, Atlético-MG) – Sem comentários!

 

Cruzeiro/MG

Pedro Ken(M, Coritiba) – Nunca fez muita diferença, jogador para completar, não é espetacular, mas sabe jogar, não será estrela, mas jogará na média, “jogador nota 6”.

Wellington(Z, Botafogo) – Bom zagueiro, novo, sabe fazer gols de cabeça, pode não se firmar em 2010, mas foi um bom investimento.

Julio Cesar(LE, Goiás) – Não fica, nem o Cruzeiro nem o jogador querem. Fala-se de Fla, Flu ou Corinthians.

Léo Silva(V, Botafogo) – Um cara que consegue ser reserva no Botafogo não tem muitos créditos, esse ai é um reserva, nada mais.

Flávio(G, Botafogo) – Menino ainda, goleiro amadurece mais tarde, mas ele apareceu bem em alguns jogos, mas tenho uma teoria, tem jogadores que só jogam no Botafogo.

Camilo(M, Santo André) e Wanderley(A, Santo André) – Não conheço nenhum deles, vi apenas nos jogos de flamengo(maraca) e São paulo(segundo turno), no jogo do São Paulo eles foram bem, já contra o fla foram muito mau.

 

No geral acho que o Atlético/MG está apostando demais em jogadores desconhecidos, o Vanderlei sempre revela alguém, mas vamos esperar. Acho que o Muriqui foi uma boa contratação, para futebol brasileiro ele serve.

 

O Corinthians está apostando na experiência, suas contratações foram equilibradas, mas ainda falta um atacante e um meia para municiar o Ronaldo, o Jorge Henrique é sacanagem e o Dentinho está sem moral, Tcheco não cria nada, e Danilo não é armador. O tcheco pode ser o organizador que o time precisa, já que o Mano o conhece bem, eu não acredito, também não acho que o Danilo irá repetir o mesmo sucesso do São Paulo. O bom é a Diretoria estar com os pés no chão e montando um grupo forte, sem estrelas. O Corinthians é favorito a ganhar tudo em 2010, mas não sei se terá pernas, e depende da boa fase do Ronaldo, esse ai eu acho que vai voar.

 

O Cruzeiro já tem uma boa equipe, fez um final de brasileiro fantástico, para mim abaixo apenas de Fluminense, e no geral do segundo turno do flamengo, mas ainda carece de um matador, o Tiago Ribeiro e o Welington Paulista fizeram bom final de temporada, mas com esses ai não ganham a libertadores nem brasileiro, belisca apenas o mineiro, e o Kleber não é homem de área. Fizeram um pacotão do botafogo, isso é arriscado. Acho que não ganharão nada em 2010, mas posso queimar minha língua, o time é bom, joga pra frente, e o equilíbrio possibilita muitos terem chances de ser campeões de qualquer competição em 2010.

 

No próximo post analisarei mais três equipes. Comentem, discordem, concordem, vamos lá, 2010 já começou no mundo da bola!!

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 



Escrito por Luis Gustavo às 10h53
[] [envie esta mensagem
] []





Final de festa vamos analisar a sujeira

Galera, vai ai o texto do meu querido amigo Joâo Roberto, ele analisa o ano do seu clube do coração, SPFW, kkkk, brincadeira, ele analisa o ano do grande tricolor do morumbi, o Soberano, vamos conferir, e relembro que está aberto para todos mandarem análise de suas equipes. Abs.

1º de janeiro de 2009 a 19 de junho de 2009 - Time treinado pelo marketeiro Burricy Morre-Morre Ramalho. Time acéfalo, sem graça, sem futebol, sem beleza, sem empolgação, sem Paulistinha, sem Libertadores, sem perspectiva.


Portanto, sem comentários...

29 de junho de 2009 até aqui - Ricardo Gomes assume o time, quase na Zona de Rebaixamento, tendo que fazer com que um grupo de jogadores, desacostumados a jogar futebol, o faça novamente após 2 anos e meio. 

Logo de cara, o time parece reagir, faz brilhantes jogos como os contra Grêmio, Goiás e Vitória. O time sai da Z-4 e chega firme no G-4. 

Mas, como não se muda algo que vem errado ha tanto tempo, o time paga o preço de ainda estar "viciado" ao estilo de jogo covarde, pobre e feio do antigo comandante asno. Tanto que, quando o time teve de se jogar pra cima dos adversários na reta final, o SPFC se ferrou. Bem verdade que o time até atacou e fez gols de maneira até surpreendente, ja que não fazia isso há anos. Porém, atacava de de forma desorganizada, já que o aquele grupo do SPFC não mais sabia fazer aquilo. A zaga, acostumanda a defender com 10 jogadores, se viu desguarnecida com o novo sistema de RG, o que acabou desequilibrando a equipe, e, consequentemente, a perda de fôlego na reta final do BR 2009..


Opinião: Pelo início de ano, o final foi ótimo. Conseguir uma vaga na Libertadores e chegar a disputar diretamente o título depois de quase ir pra Zona é muito bom resuiltado.

Pra 2010, cabe agora ao treinador montar uma nova equipe com um novo padrão de jogo. Vai conseguir? Vai saber..... mas só de ver que o time parou de se defender e cruzar bola durante 90 mim e só já me deixa mais contente e esperançoso. 

 

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 



Escrito por Luis Gustavo às 10h09
[] [envie esta mensagem
] []





Final da Festa, vamos olhar a sujeira!

Iniciaremos a análise das 11 principais equipes do campeonato brasileiro de 2009, peço desculpa aos amantes do futebol goiano, mas o Goiás, a princípio, ficará de fora desta análise. Considero as principais equipes, as 4 grandes de São Paulo, 3 grandes do Rio, 2 do RS, e as 2 de Minas.

 

Começaremos pela equipe do Santos, que em 2009 esteve com um time bem modesto, levando um super pacote do Futebol carioca, como os meio campistas Mádson, que não quis disputar a segunda – Divisão do campeonato brasileiro pela equipe do Vasco da Gama, e Lúcio Flávio que brilhou no Botafogo também os laterais Triguinho, ex-botafogo, e Luisinho, ex-flamengo.

 

Completando a lista de reforços, nomes como o lateral esquerdo Leo, o lateral direito Wagner Diniz, o zagueiro André Astorga, e mais alguns menos conhecido do grande público como Eli Sabiá, Germano e até então desconhecido, ex-Grêmio Atlético Mineiro e Celta de Vigo, Geroge Lucas, entre outros.

 

Enfim, 2009 não foi um ano de muitas glórias para a equipe da vila famosa, no início do campeonato paulista e da copa Brasil a equipe já demonstrava muita instabilidade, um grupo com problemas de relacionamento, principalmente entre os medalhões como Fábio Costa e Fabiano Eller(este que se transferiu para o Inter-RS).

 

Contratou o técnico Vagner Mancini, que aparecia como uma jovem revelação entre os treinadores brasileiros, com a intenção de organizar a casa santista, que devido ao ano eleitoral já estava fervendo.

 

A equipe teve uma recuperação no campeonato paulista, conseguindo chegar até a final, depois de uma conturbada partida contra a equipe do Palmeiras, na qual brilhou a estrela de Neymar, que inclusive junto com seu companheiro de sub – 20 Paulo Henrique foram os responsáveis pela virada na campanha santista. Já na copa do Brasil, um balde de água fria depois de ser desclassifica pela humilde equipe do CSA de Alagoas.

 

Jogadores saíram, jogadores chegaram, mas o Santos não conseguiu manter uma boa sequência, até mesmo o seu artilheiro, e mais badalado jogador, Kleber Pereira viveu uma má fase, Fabiano Eller não estava bem, e Lúcio Flávio, que voltou ao botafogo, ficou esquecido no banco de reservas, assim não assustando ninguém no brasileiro e não sendo resistência para o invicto título paulista do Corinthians, com direito a super gol de Ronaldo.

 

Para fechar o ano com chave de ouro, contratou o técnico Vanderlei Luxemburgo, que após incompatibilidades com a diretoria do Palmeiras fora demitido, mas de nada adiantou, com o consagrado técnico não conseguiu a reação desejada, e este se esquivava do fracasso da equipe, culpando seus patrões ou companheiros de profissão pela planejamento mau feito no início da temporada.

 

Assim o Santos terminou o campeonato brasileiro na décima segunda colocação, com a vaga para a sulamericana, perdendo em casa para o Cruzeiro e uma eleição que teve de tudo, polícia, briga, virada e o ex-presidente saindo aplaudido pela torcida organizada, após a avassaladora derrota nas urnas. Bom, assim foi o Santos, é mais um grande para abrilhantar a copa do Brasil 2010.

 

Lembrando que a COMEBOL está estudando a possibilidade do campeão da Sulamericana conquistar vaga para a libertadores do ano seguinte, se isso acontecer a competição ganhará um maior atrativo, contudo poderá tirar uma vaga do campeonato brasileiro ou da copa do Brasil, pois cada país tem um número limite de participantes. Vamos ver que “bixo” vai dar isso!



Escrito por Luis Gustavo às 09h32
[] [envie esta mensagem
] []





Futebol brasileiro, ou começa do zero ou acaba

 

 

 

 

O Campeonato Brasileiro de Futebol da primeira divisão chegou ao fim, flamengo campeão, o fluminense na mais espetacular recuperação da história, o cruzeiro que saiu da zona de rebaixamento para a libertadores, o palmeiras conseguindo ficar fora da libertadores depois de 17 rodadas como líder e o Goiás mostrando que tinha time para brigar pelo título, não sei porque, não brigou.

 

Muitos destaques positivos e negativos tiveram neste brasileirão, mas nem mesmo o título do flamengo foi o mais importante, lógico que merece lembrança, afinal foram 16 longas temporadas de jejum, o que resultou em uma festa linda da torcida, como também a emocionante arrancada do Fluminense.

 

Apesar de tudo, dois fatos merecem o adjetivo de destaque do campeonato, um positivo outro negativo. O negativo, infelizmente é que mais uma vez perdemos para a violência, já deu, não podemos mais aguentar isso. O positivo é o título do primeiro técnico negro do Campeonato Brasileiro da Primeira divisão.

 

Quanto à violência, sei que é um problema geral, o Brasil sofre com este mau, mas não podemos transformar o futebol em caso de polícia. No final de semana que ocorreu a ultima rodada do Campeonato brasileiro, o estado do Rio de Janeiro destacou um contingente de 1200 homens para garantir a seguranças dos jogos entre flamengo e Grêmio, Botafogo e Palmeiras, um absurdo.

 

E se não bastasse nós torcedores já sermos vítimas de vândalos, praticamente inviabilizando a participação da família nos estádios em dia de clássico, até os jogadores e treinadores já estão sendo alvos, como os casos de Vanderlei Luxemburgo e Vagner “Love”, que foram agredidos por torcedores do palmeiras, o primeiro em um aeroporto ano passado e o segundo na saída de um banco a poucas semanas. Temos também o exemplo do Cuca, que teve sua casa em Curitiba apedrejada.

 

O jogo Coritiba e Fluminense é o maior exemplo de tudo, pois podemos chegar ao absurdo de dizer: “que bom seria se o único ato de violência fosse o apedrejamento da casa do técnico Cuca”, algo repugnante, mas que infelizmente pode ser dito, isso, pois o estádio Major Antônio Couto Pereira viveu cenas de horrores, o que não pode passar impune, e nem apenas interdição do estádio ser a solução. Os amantes do futebol clamam por paz.

 

Quem tem coragem de levar sua família para assistir um Goiás e Vila Nova? Poucos, eu tenho certeza e quem perde é o Futebol Brasileiro.

 

Uma pena para o Brasil, que a menos de cinco anos de sediar uma copa do mundo, tem que conviver com essa balburdia, será que nesse prazo conseguiremos resolver os problemas conquistados ao longo de nossa história?

 

Ao ponto que chegou, para resolver, ou começa do Zero ou Acaba!

 

Mas falemos de coisas boas, não apenas de problemas vive o nosso futebol, um acontecimento histórico tem que ser lembrado, Andrade! O primeiro técnico negro Campeão Brasileiro, e mais um grilhão foi rompido. Primeiro parabéns as equipes do Bangu-RJ e Vasco da Gama-RJ pelas lutas do inicio do século XX contra o racismo no futebol, e parabéns também ao Flamengo, que carregará essa linda marca de ser o time no qual o primeiro técnico negro fora campeão brasileiro, mas parabéns principalmente para o Andrade, guerreiro, humilde e competente, mostrado que competência não se exibe ou se compra em grifes, a humildade é muito bonita e pode dar resultado.

 

 

 

 

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306

 

 



Escrito por Luis Gustavo às 07h16
[] [envie esta mensagem
] []





Bom, está ai o motivo da "taça das bolinhas" ainda não ter ido para o São Paulo. Entenda melhor:

 

Abs,

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306



Escrito por Luis Gustavo às 15h15
[] [envie esta mensagem
] []





Pula sai do chão, que o mengão é campeão!

 

 

Agora sim, o Brasil explodiu em festa, assim lembrando o samba do salgueiro, a torcida do flamengo explodiu o coração, e sem dúvida nenhuma, na maior felicidade. O Brasil foi pintado de vermelho e preto, as ruas do pais foram invadidas, uma avalanche, desta que é chamada de nação rubro-negra.

 

Nação sim, são 35 milhões de alucinados, que conseguiram voltar a sorrir depois de 17 anos. Uma nação que sempre mereceu muito mais do que foi oferecido, uma nação que sofreu na mão de gestores incrédulos, massacrando seu ego intangível, esmagando seu amor, e testando a sua paciência.

 

Eu me pergunto, como pode existir algo tão intenso quanto o amor de um rubro-negro? O Brasil já foi penta, o são Paulo já foi hexa, o inter já campeão mundial e o Corinthians já caiu para 2º divisão. Todos grandes acontecimentos, positivos ou negativos, mas em nenhum deles o torcedor se envolveu tanto emocionalmente.

 

Felicidade, tristeza são sentimentos comum a todos os seres humanos, principalmente quando este ser humano passa a ser torcedor. Todos riem, todos choram, todos gritam, mas o rubro-negro não, ele chuta, ele defende, ele consegue jogar com o time, e transferir da arquibancada tudo aquilo que está sentindo.

 

A torcida do flamengo é algo inexplicável mesmo, no jogo de ontem, infelizmente não pude estar no marca, esse é um grande sonho que eu ainda realizarei, mas pelas palavras de quem esteve e pelas imagens da TV, percebíamos, os torcedores estavam em transe, quando o Grêmio fez o primeiro gol, ele já não sabia se gritava, se chorava ou se xingava. Não conseguia reagir diante de um golpe tão profundo, que ultrapassou o coração e feriu a alma.

 

Eram milhões no Brasil, todos parados, não acreditando naquela cena, parecia o fim. No maraca, enxergávamos aquele ferimento, torcedores apreensivos, que nem mesmo incentivar o time conseguiam, mas não precisava, a sinergia entre o time e torcida é tão forte, que conseguem passar a força sem mesmo gritar. O apoio vem do coração, do amor, relembrando o rei, com palavras não sei dizer. Nem mesmo um milhão de gritos consegue ecoar mais alto do que a vós do coração apaixonado de um flamenguista.

 

Nem melhor, nem pior, apenas diferente, assim defino a torcida do flamengo. Não podemos dizer que o flamenguista é melhor que o corinthiano, que o são paulino, vascaíno ou palmeirense. Podemos sim dizer que ele é diferente, consegue sofrer e comemorar com um sentimento tão tênue, misto de alegria, tristeza, raiva e tudo mais que se pode imaginar, consegue ir as lágrimas por aquilo que não te respeita; consegue ter orgulho de ser time de preto, favelado; consegue ter amor em um urubu, que poderia ser um símbolo de tudo de mais sujo que se tem na terra; consegue ser irreverente e apaixonado; consegue sofrer várias horas em uma fila e ter disposição para cantar, gritar, apoiar o tempo todo, mesmo que seja apenas com o coração.

 

O jogo de ontem foi mágico. Se tratando de flamengo nada pode ser fácil, e nem sem emoção, sentimento este que está impregnado nas raízes do clube. Ele conseguiu tornar a mais fria forma de disputa emocionante, e nem mesmo com tudo conspirando a seu favor, teve uma vida fácil, parece que fazem de propósito.

Os outros concorrentes ao título demonstraram uma frieza sublime, massacrando impiedosamente seus adversários, com exceção do palmeiras que em uma apatia vergonhosa, foi derrotado pelo botafogo. O flamengo não, não podia ganhar fácil dos reservas do grêmio, pressionados pela sua própria torcida, que exigia a derrota.

 

Teve que jogar mal, demonstrar que os jogadores sentiram a ansiedade da torcida, o medo, as penas tremeram sim, eu tenho certeza, e não foi motivo de vergonha, os sentimentos da magnética estão misturado ao time, fazendo o sangue frio do leste europeu, pulsar latente, como o calor do rio, e fazer um sérvio, que já sofreu com os horrores da guerra, sentir o peso, de carregar a esperança de uma nação.

 

Assim flamengo, mais um capítulo de sua história foi escrito, e com as lágrimas de sua torcida, eu tenho certeza que em apenas 90 minutos experimentaram, em seus corações, todos os sentimentos que o corpo humano pode expressar.

 

Parabéns nação, vocês merecem, se orgulhem de serem rubro-negros, comemorem, chorem, gritem, e bata no peito com orgulho por conseguir passar um pouco, daquilo que tem impulsiona, ao campeonato brasileiro, A EMOÇÃO.

 

 

Contato no Twitter: http://twitter.com/luisglopes

Contato no MSN: gustavosilvarv@msn.com

e-mail: gustavosilvarv@bol.com.br

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=16319373227530842306



Escrito por Luis Gustavo às 09h59
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]